Sofia Rodrigues

Andrógine Zago

Bilhete do Fim

Não binárie, Travesti

Sofia Rodrigues

Bilhete do Fim

SINOPSE:

Dialogando com a terra, o vento, a água e o fogo, pedimos acesso a saberes ancestrais, e com ritos de memória procuramos o que há de mais elementar em nossas corpas-flores. Do gesto orgânico ao aparato digital. Em Bilhete do Fim, estudaremos as possibilidades performáticas do gesto ritual como ferramenta de resgate e transmissão de saberes. Exploraremos nossas corporeidades e processos meditativos acrescidos de intervenções audiovisuais.
SOFIA

Sofia Rodrigues

Sofia Rodrigues nasceu no interior de São Paulo, travesti e artista visual, passou a se interessar por cinema após participação no curta Hasta la Brisa (Deivid Evaristo, 2019). Cineasta autodidata, fez a pós-produção de Morada das Ixtranhas (2019), Picumã (2020) e Vinte20 (2020) dirigidos por Vita Pereira, e em 2021 lançou dois trabalhos autorais o curta Cartas ao Cerrado (2021) e Bilhete do Fim (2021).

androgine

Andrógine Zago

Com experiência profissional em design e artes visuais, Andrógine Zago é também bacharela em audiovisual pela Universidade Federal de São Carlos, onde realizou Produção, Fotografia, e Identidade Visual do filme "Hasta la Brisa" (Deivid Evaristo, 2019), além de estreá-lo no 15º Festival Internacional de Cinema LesBiGayTrans (Paraguai). Mais recentemente, dirigiu o curta “Bilhete do Fim” (Andrógine Zago e Sofia Rodrigues, 2020) - ambos disponíveis no YouTube. Como animadora, atuou no documentário Morada das Ixtranhas (Vita Pereira, 2019) e na série "Mytikah - O Livro dos Heróis" (Hygor Amorim e Jonas Brandão, 2019). Depois de trabalhar em agência publicitária, produtora audiovisual e empresa financeira, a travesti de 23 anos é hoje artista autônoma, sempre estudando teatro, dança contemporânea e outras linguagens.

FICHA TÉCNICA

DIREÇÃO:
Sofia Rodrigues, Andrógine Zago
ROTEIRO:
Sofia Rodrigues
ESTADO:
São Paulo
ANO:
2021
GÊNERO:
Experimental

DURAÇÃO:

11’16”