Sofia Rodrigues

Cartas ao Cerrado – Um Corpo Fechado

Travesti

Sofia Rodrigues

Cartas ao Cerrado – Um Corpo Fechado

SINOPSE:

O nome “cerrado” remete à vegetação densa do bioma, à rede articulada de galhos resistentes que lhe trazem proteção. Em espaços como este, à parte do mundo dos homens, duas travestis encontram refúgio para respirar e dançar com o vento. Esse projeto fala sobre corpos e vivências trans no interior paulista, mas também é um relato poético e um convite aberto para que adentrem conosco o cerrado, e sintam por meio de nossos corpos as texturas e temperaturas a que se dedicam nossas danças.
SOFIA

Sofia Rodrigues

Sofia Rodrigues nasceu no interior de São Paulo, travesti e artista visual, passou a se interessar por cinema após participação no curta Hasta la Brisa (Deivid Evaristo, 2019). Cineasta autodidata, fez a pós-produção de Morada das Ixtranhas (2019), Picumã (2020) e Vinte20 (2020) dirigidos por Vita Pereira, e em 2021 lançou dois trabalhos autorais o curta Cartas ao Cerrado (2021) e Bilhete do Fim (2021).

FICHA TÉCNICA

DIREÇÃO:
Sofia Rodrigues
ROTEIRO:
Sofia Rodrigues
ESTADO:
São Paulo
ANO:
2021
GÊNERO:
Experimental

DURAÇÃO:

8’45”